Home Destaque ARTIGO – Por mais Amor, Respeito, Tolerância e Igualdade!

ARTIGO – Por mais Amor, Respeito, Tolerância e Igualdade!

5 min read
0
1
Foto: Reprodução Instagram
Foto: Reprodução Instagram

Um dos assuntos mais falados do dia no Brasil é o caso explicito de racismo contra Titi, filha do ator global e empresário, Bruno Gagliasso e da atriz e Youtuber, Giovanna Ewbank. Parece até ironia do destino (ou não) o caso ter acontecido exatos uma semana após o dia nacional da Consciência Negra, que foi celebrado no último dia 20 de novembro.

O que não podemos esquecer é: Que este é apenas um de vários casos de racismo que acontecem diariamente no Brasil.  Recentemente, o jogador do PSG, Neymar também foi vítima do crime, ao ser chamado de macaco em pleno ao gramado, isso quando ainda jogava pelo Barcelona.

São casos públicos com pessoas públicas, que vem à tona, mas depois caem no esquecimento. O que não podemos de deixar de lembrar é de que RACISMO É CRIME. A lei brasileira é clara e diferencia atos de Racismo e Injúria Racial.

Os crimes de Injúria são caracterizados quando ofensas são direcionadas as pessoas. Como, por exemplo, chamar um negro de macaco. Já os crimes de racismo são caracterizados pelo menosprezo de alguém, seja por impedimento de acesso a determinado local, negação de emprego baseado na cor da pessoa entre outros casos.

A legislação, que já está em vigência no Brasil há 27 anos, determina pena de reclusão a quem tenha cometido atos de discriminação, preconceito relacionados a cor, raça, etnia, religião ou procedência nacional.

Entretanto, você já parou para pensar: Quantos casos de racismo você já presenciou e nada foi feito? Ou até mesmo se você já cometeu algum ato do tipo? Infelizmente por maior que seja a população negra no Brasil, eles ainda são os que mais sofrem em relação a sua cor.

Os negros ainda ocupam os empregos mais precários do Brasil e ainda tem os menores salários e como se não bastasse, também foram os grandes atingidos pelos crescentes níveis de desemprego. Isso não é “vitimismo” não. São dados, é a REALIDADE.

Portanto, um caso público de pessoas de vida pública nos mostra que racismo ainda existe, é crime e está na Lei. Bruno Gagliasso prestou hoje, 27, a queixa formal contra as barbaridades ditas para a sua Filha em vídeo divulgado na internet. Atitude que todos nós deveríamos tomar ao presenciar atos do tipo.

É preciso que o ser humano tenha mais empatia, amor, tolerância sobretudo respeito e igualdade.

Diga NÃO ao racismo.

ARTIGO – Por mais Amor, Respeito, Tolerância e Igualdade!
Qual sua nota para o artigo?
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais Destaque

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *